Homologação de conta bancária - Bradesco

006-money-bag.png 

A homologação bancária consiste no processo de validação dos boletos pelo banco a fim de comprovar que a instituição está apta para gerar cobranças. Para isso, geramos boletos testes e enviamos ao banco para que ele avalie sua adequação e do arquivo remessa aos seus padrões.

Cada banco possui uma particularidade e neste tutorial iremos ensinar o passo a passo para homologar uma conta do banco Bradesco. O processo é feito em três etapas: cadastro, homologação e validação.timeline_homologa__o_com_teste__6_.png

Cadastro: O primeiro passo é cadastrar os dados de sua conta no sistema e parametrizá-lo para a geração das cobranças bancárias.

Homologação: Nesta etapa, iremos gerar os boletos no sistema e inserir essas amostras no ambiente teste do Gerenciador Financeiro (Internet Banking) do seu banco.  

Validação: Com a aprovação das amostras, iremos gerar novas cobranças para que elas sejam registradas no ambiente de produção do seu banco, finalizando o processo. 

Parecem ser muitas etapas, não é mesmo? Mas não se preocupe! Os procedimentos são simples e nós explicaremos cada um deles com detalhes. Ah, e lembre-se! Se tiver alguma dúvida, ou dificuldade, entre em contato com a gente; nós estamos disponíveis para te ajudar no que for preciso! 

 

Cadastro: 
A primeira etapa do processo de homologação é o cadastro de sua conta e a parametrização da sistema para a geração dos boletos.

Essa etapa é muito importante, pois o cadastro correto dos dados evitará futuras inconsistências em na homologação da conta. Por isso, leia atentamente as instruções e confirme os dados da sua conta com seu banco antes de preencher no sistema. 

Caso tenha dúvidas sobre o preenchimento dos campos, entre em contato com nosso suporte (suporte@wpensar.com.br). 

 

1. Cadastrando a Conta: 

1. Clique na aba Configurações, no menu lateral esquerdo;

2. Clique em Contas;

3. Clique em + Cadastrar Conta, no canto superior da tela ao lado esquerdo;

4. No Cadastro de Conta, preencha os campos do seguinte modo:

Tipo: preencha com a opção Conta Bancária;

Nome: Esse nome aparecerá em todas os procedimentos que envolvem a associação de uma conta bancária (plano de pagamento, lançamentos, etc.), por isso, preencha com um nome que facilite a sua identificação;

Empresa: vincule a empresa ao qual essa conta pertence;

5. No Cadastro dos Dados Bancários, preencha os campos da seguinte forma:        

Banco: escolha a opção 237 - Banco Bradesco S.A;

Agência: número de sua agência; essa informação possui seis números (Exemplo: 012345);

Número da Conta: número de sua conta sem o hífen separador do dígito. A conta deve conter 7 números. (Exemplo: o dado deve ser inserido no formato 1234567 e não 123456-7);

Tipo de Carteira: escolha a opção de Registrada. Com a nova medida da Febraban (Federação Brasileira de Bancos) todos os boletos devem ser registrados. Para mais informações, consulte seu gerente bancário.  

Carteira: insira o número de sua carteira; caso não saiba, solicite com seu gerente bancário. 

Multa: valor fixo calculado em porcentagem em cima do valor da cobrança. Essa informação ficará disponível no boleto. 

Juros (%a.m.): percentual cobrado sobre o valor total do boleto após seu vencimento. No cadastro, preencha com percentual cobrado ao mês. No boleto, esse valor virá fracionado por dia; dessa forma, o valor recebido pela instituição será proporcional a quantidade de dias de atraso do pagamento.  

Tarifa do boleto: valor pago de tarifa por boleto. Esse campo é apenas informativo; preencha caso achar necessário;

Código da Empresa: é a identificação da conta com o banco. Ele contém 9 números e deve ser inserido sem o hífen separador do dígito (Exemplo: insira no formato 123456789 e não 12345678-9). 

Tipo de Distribuição: contrato com o banco para a impressão dos boletos. 

- Cooperativa/Banco: selecione se o banco for o responsável pela impressão;

- Cliente: selecione se você for o responsável pela impressão do boleto. 

Fique atento! Confirme essa informação com seu banco pois o preenchimento errado deste campo pode causar o aumento de taxas nos boletos pelo seu banco. 

Protesto: caso sua instituição proteste os boletos após determinado período, selecione Protesto; caso não, selecione Não Protestar

Qtd. Dias Protesto: ao selecionar Protesto, no campo anterior, ficará disponível o campo para preenchimento da quantidade de dias de protesto; 

Devolução: esse campo ficará disponível se você escolher não protestar seu boleto. Se o procedimento padrão for devolver os boletos, selecione Devolver, caso não, deixe o campo em branco. 

Qtd. Dias Devolução: ao selecionar Devolver, esse campo ficará disponível. Preencha com a quantidade de dias para que o boleto devolvido; 

Instruções Extras: cadastre todas as informações que deseje constar em seus boletos (Ex.: Não receber após vencimento).  
As informações de juros, multas e descontos apareceram automaticamente, por isso, não é preciso cadastrá-las. Todos os boletos emitidos nesta conta pelo WPensar virão com essas instruções. 

6. Clique em Salvar

 

2. Parametrizando o sistema: 
A parametrização é o processo de definição dos padrões que deverão ser seguidos pelo sistema na geração de cobranças e remessas.

Se a sua empresa já gerou boletos pelo sistema bancário, é muito importante inserir essa informação no sistema para que posteriormente não hajam cobranças duplicadas, o que causaria transtorno para a instituição.

Para obter essa informação, identifique no seu sistema anterior ou com seu próprio banco qual foi o último número de cobrança e remessa gerado até o momento e envie essas informações para nosso suporte para que realizemos a parametrização do seu sistema. 

 

Homologação: 
Com o cadastro realizado, iniciaremos a homologação! Nesta etapa, iremos criar um fluxo de pagamento, gerando boletos e criando a remessa, que serão enviados ao banco para aprovação.

Após criar o fluxo de pagamento e gerar os boletos, envia-se ao banco a remessa por meio do Gerenciador Financeiro (Internet Banking). Esse é o ambiente online da sua conta, que possui funções para realização do envio de remessa e captura de retorno. Nesta etapa, o arquivo remessa deve ser inserido no Ambiente Teste, uma área para validar a amostra gerada pelo sistema e realizar a conferência das posições do arquivo enviado. 

Fique atento! 

É importante lembrar que o WPensar não possui integração com o banco, por isso, o procedimento de envio de remessa deve ser feito manualmente por você. 

 

3. Gerando o boleto teste:  

1. Faça a matrícula de um Aluno; você pode seguir o passo a passo clicando aqui. 

Lembre-se de preencher o CPF e o CEP deste aluno! Caso prefira, você pode usar o Aluno Teste que já vem cadastrado em seu sistema. 

2. Crie um Plano de Pagamento para esse aluno. Veja como  clicando aqui.  
Sugerimos criar  um plano de pagamento com três parcelas de R$ 10,00. 

3. Solicite ao seu gerente um número de protocolo para iniciar a homologação bancária. 

 

 

4. Criando a Remessa: 

A remessa é um arquivo que contém todas as informações das cobranças. É por meio deste arquivo que o banco irá reconhecer e registrar os boletos. Para criar a remessa em seu sistema, siga os passos:

1. Clique na aba Financeiro, no menu lateral esquerdo;

2. Clique em Remessasno submenu que será aberto;

3. Clique em + Criar Remessa, no canto superior da tela ao lado esquerdo;

4. Adicione a conta para qual a remessa deve ser feita, clicando no sinal de + (mais) localizado ao lado do nome da conta;

5. No campo Incluir cobranças automaticamente na remessa:

Sim:  Escolha a opção caso essa seja a primeira vez que você está criando uma remessa no sistema e depois clique em Salvar;

Não:  Escolha a opção caso já tenha gerado o arquivo no sistema outras vezes. Neste caso, siga os passos a seguir para adicionar as cobranças na remessa:  

5.1. Volte em Financeiro, no menu lateral esquerdo;

5.2. Selecione a opção Cobrançasno submenu que será aberto;

5.3. Nos campos de busca, preencha os filtros para localizar as cobranças geradas no plano de pagamento teste; você pode buscar pelo nome do aluno cadastrado;

5.4. Selecione as cobranças, clicando no checkbox à esquerda da coluna da listagem;

5.5. No campo Ações sobre as cobranças, localizado na parte inferior da página, ao lado esquerdo, selecione a opção Incluir Cobranças Selecionadas em Remessa;

5.6. Clique em Aplicar.

 

5. Baixando a Remessa: 

1. Clique na aba Financeiro, no menu lateral esquerdo;

2. Clique em Remessasno submenu que será aberto;

3. Entre na remessa que você criou, clicando em Visualizar (lupa.png);

4. Clique em Fechar Remessa, localizado no centro inferior da página; 

5. Ao fechá-la, o arquivo será gerado e baixado automaticamente.

Após realizar todos esses procedimentos, você deve inserir essa remessa no ambiente teste no acesso da sua conta Santander online. O banco irá validar a amostra gerada pelo sistema e realizar a conferência das posições do arquivo enviado.

Pedimos que em caso de dúvidas na realização de algum desses procedimentos, entre em contato com o seu gerente, que conseguirá te auxiliar da melhor forma possível.

Fique atento! 

Não consegui fecha a remessa: se após adicionar as cobranças na remessa o botão Fechar Remessa não ficar disponível, significa que os dados cadastrados do contratante da cobrança estão incompletos. O balão vermelho no início da remessa sinalizará quais dados deverão ser editados. 

Não consegui inserir a remessa no banco: Caso o banco não esteja aceitando a inserção da remessa, confira os dados da conta cadastrados e entre em contato com nosso suporte que nós iremos verificar. 

 

6. Inserindo o arquivo Retorno

Um dia útil após a inserção do arquivo remessa no ambiente teste, o banco irá disponibilizar o retorno. Esse arquivo é a resposta de validação da remessa, ou seja, o retorno da situação do processamento das cobranças.

O banco irá sinalizar duas possíveis situações da cobrança: 

Entrada Rejeitada: O banco não validou a estrutura.

Caso a remessa seja rejeitada, o banco disponibiliza-rá um arquivo indicando qual o erro. Analise esse arquivo e verifique se os dados da conta estão cadastrados corretamente; o erro nos dígitos dos dados é o principal motivo para a rejeição da remessa. Se todos os dados estiverem cadastrados corretamente, entre em contato com nosso suporte (suporte@wpensar.com.br) para que analisemos com mais cuidado seu sistema;

Entrada Confirmada: O banco validou a estrutura e processou o arquivo com sucesso;

Com a remessa validada, é hora de inseri-la em seu sistema. Mesmo que o arquivo esteja correto, é possível que algumas das cobranças não sejam processadas; por isso, iremos inserir o arquivo no sistema e verificar na coluna de descrição se elas foram validadas ou rejeitadas. Siga os passos: 

1. Clique na aba Financeiro, no menu lateral esquerdo;

2. Clique em Retorno, no submenu que será aberto;

3. Clique em Enviar Retorno, no canto superior do lado esquerdo;

4. Clique em Anexar Arquivos;

5. Selecione o arquivo que baixou do banco e clique em Abrir.

Ao anexá-lo, o sistema irá sinalizar o processamento do arquivo, se foi enviado com sucesso ou se não foi processado; neste caso, ele também informará qual o erro encontrado. Caso isso ocorra, confira os dados sinalizados pela sistema e entre em contato com nosso suporte. 

 

Validação:  

Com o processamento correto do retorno, finalizamos a fase de homologação e iniciaremos a validação. Nesta etapa, iremos repetir os procedimento dos passos anteriores, gerando um novo fluxo de pagamento e enviando a remessa ao banco para validação. 

Agora, contudo, iremos registrar esses boletos e realizar o pagamento. Para isso, verifique se o seu banco liberou o ambiente de produção em seu acesso online; é nele que iremos inserir a remessa para registrar as cobranças. Caso ele não esteja disponível, contate seu gerente e solicite a liberação. 

(?) Essa etapa será para validar os procedimento que você fará no seu dia a dia. Aproveite para as tirar as dúvidas que restaram para que você consiga gerar as cobranças de sua instituição com sucesso! 

 

7. Gerando o Boleto:
Crie um novo fluxo de pagamento e geração de boletos. Dessa vez, não é necessário enviar as amostras para o seu gerente;

 

8. Criando a Remessa:
Crie um novo arquivo remessa em seu sistema e insira as novas cobranças;

 

9. Baixando a Remessa:
Solicite ao seu gerente o ambiente de produção em seu acesse de conta online. Depois de liberado, feche sua remessa, faça seu download e a insira no ambiente de produção do Internet Banking do seu banco. 

10. Inserindo o Retorno:
24 horas após a inserção da remessa em seu banco, estará disponível o arquivo retorno. Caso o arquivo remessa tenha sido rejeitado, siga os direcionamentos descritos no passo 6. 

Se o remessa for processada normalmente, baixe o arquivo retorno disponível e o insira no sistema WPensar. Lembre-se de verificar a validação das cobranças visualizando (lupa.png) o arquivo depois de inseri-lo no sistema;

  

11. Imprimindo as Cobranças: 

Com o processamento correto dos boletos sinalizados no arquivo retorno, chegou a hora de realizar o pagamento. Imprima as cobranças realizando os passos a seguir:

1. Clique na aba Financeiro no menu lateral esquerdo;

2. Selecione a opção Cobranças no submenu que será aberto;

3. Nos campos de busca, localize as cobranças cadastradas;

4. Clique em Buscar;

5. Selecione as cobranças desejadas clicando no checkbox ao lado esquerdo da coluna da listagem;

6. No campo Ações sobre as cobranças, localizado na parte inferior da página, ao lado esquerdo, selecione a opção Imprimir Cobranças Selecionadas;

7. Clique em Aplicar;

8. Clique em Imprimir na nova janela que será aberta.

 

12. Inserindo o Retorno:  

Depois de realizar o pagamento das cobranças, o banco irá disponibilizar um novo arquivo retorno. Desta vez, o arquivo sinalizará o status destes pagamentos: Liquidado, Pago a menor, etc. Insira o arquivo no sistema seguindo os passos do tutorial 6 e verifique os status das cobranças.

Se as cobranças forem liquidadas normalmente em seu sistema, sua conta foi homologada! winner.png

Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

Comentários

Powered by Zendesk